quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Moda

Você gosta de unhas decoradas ?
Foi realizada no Japão uma exposição de trabalhos de decoração feitos em unhas.
Veja algumas sugestões, quem sabe alguma combina com seu look de final de ano.

Com cenário e personagens

Meigas, quase infantis

Outras, bem delicadas

Capricho nos detalhes

Tá certo, seu estilo é mais sério.


Coloridas como o verão.

Natal

Desejo a todos os leitores do blog que o Menino nascido no Natal faça parte das suas vidas e

que a Compreensão, a Fraternidade, o Respeito, a União e o Amor sejam companheiros de

caminhada.

Abraços

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Leituras

Precisamos falar sobre o Kevin


O livro da norte-americana Lionel Shriver ( We need to talk about Kevin) já nos deixa curiosos pela capa. E ao iniciarmos a leitura, começamos refletir muito sobre as relações familiares, a violência, a sociedade, o amor materno e principalmente sobre a mente humana.

A história conta sobre a vida do adolescente que assassinou de forma muito bem elaborada ( se é que se pode dizer assim ) os professores e os colegas de escola.

Um final chocante, faz da leitura desse livro uma experiência sem igual como um alerta para como podem se transformar as relações humanas.

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Literalmente

Agora que terminou o Campeonato Brasileiro, vamos revelar como estão os times e os jogadores.

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Branco e Preto

Nessa época de verão e de alegria, o que mais se vê pelas são as misturas de cores e tons.
Por isso mesmo, pensando em descansar as vistas de tanto colorido, selecionei itens em Branco e Preto ou Preto e Branco.
Veja como essa combinação deixa qualquer coisa elegante.
Quem já viu um cavaquinho assim, tão charmoso ?
Imagem: Internet

E esses filhotes, então.
Imagem: Internet

Um bolo bem diferente do usual.
Imagem: Internet


A caixa para bijuterias que comprei há pouco tempo.
Imagem: Silvia


Os pinguins parecem vestidos a rigor .
Imagem: Internet



Por falar em vestir, aqui, a elegância é total do Branco e Preto.
Imagem: Internet


A casa também revela o bom gosto dos moradores.
Imagem: Internet
É claro que tenho um sapato Preto e Branco .
Imagem: Silvia



Mais charme nos móveis .
Imagem: Internet



A cortina de renda é especial.
Imagem: Internet Um móvel assim faz toda a diferença .
Imagem: Internet
Algumas cadeiras estampadas em Branco e Preto até alegram o ambiente.
Imagem: Internet



No guarda-roupa da Barbie também estão as cores da elegância.
Imagem: Internet

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Pra não dizer que ...

... não arrumei minha casa para as festas de final de ano.

Alguns anos atrás montava pinheiro e decorava em detalhes a casa para o final de ano.
Mas ... os filhos crescem e temos passado as festas na praia.
E só de pensar em guardar tudo quando venho naquelas escapadas em casa, já desanima.
Mas, sei que é preciso "marcar" a época e criar o espírito de festa.
Então, coloquei somente alguns detalhes, fáceis de guardar depois.
Resta esperar a chegada dos netos. Aí sei que voltará toda aquela arrumação.
Veja os meus pequenos toques natalinos.


Enfeitei o espelho da sala com fitas douradas, alguns sininhos e anjinhos.
Tenhos esses anjinhos há muito tempo e não consigo deixá-los guardados. São muito lindinhos.


Um arranjo de mesa.


Troquei a guirlanda da porta por esse enfeite.


Um porta- panetone





E a caixinha com velas dão o toque final.

Decoração útil

Veja alguns modelos de organizadores para bijuterias encontrados em www.wrapables.com

Para mudar um pouco aquele visual de manequins - alguns lindíssimos - que estamos acostumados a ver nas lojas.

As pessoas habilidosas podem até criar seus próprios modelos.














quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

A alma

Fiquei emocionada ao ler a coluna de Paulo Sant'Ana hoje. E pensar que pessoas fazem verdadeiras torturas com os animais.
A propósito: animais têm alma ?

Imagem:galeria.colorir.com/animais/caes/poodle-pinta...


A alma da Pink

Morreu minha cadelinha Pink, com 13 anos de idade.

Era a única pessoa que me fazia festa quando eu chegava em casa. Era de ver-se a alegria de que ficava tomada, saltando, latindo, esperando de mim uma reação afetiva.

Morreu a minha cadelinha poodle, pelos eriçados, cor de chumbo, olhos alertas, uma alegria de viver que se transmitia a todos.

Morreu minha cadelinha Pink, e eu ainda tropeço nela no corredor como se ela ainda existisse, tenho o cuidado de fechar a porta do quarto para que ela não entre e não suje o tapete. É incrível, mas eu procedo ainda como se ela vivesse. Impregnou-se tanto em minha vida, que a minha existência prossegue tendo-a como companheira de todas as horas.

Não dá para esquecer que, quando eu saía de casa, ela mostrava uma angústia tremente, parecendo que ia me perder para sempre.

Como eu, tinha labirintite. Como eu, deve ter sofrido muito. Em seus últimos dias, tossia muito a pobrezinha, sobrevivia à custa de muitos remédios, mas ostentava um petulante orgulho de viver.

O que me amassava era que ela não podia transmitir o seu sofrimento. O que será que pensava quando a tontura lhe tirava o apetite de viver? Como deve ter na sua mudez se desesperado por não poder dizer o que sentia. Era uma dor sozinha, um isolamento, sei lá como se sentem os animais quando adoecem e talvez não percebam que podem morrer.

Um vazio percorre a casa. Aquela ânsia permanente por outra comida que não fosse a ração, aquela curiosidade por tudo o que se fazia em torno dela, aquele rosnar furioso e com latidos quando a gente ameaçava, brincando, que iria tocar na sua cama e no seu lençol, são todas imagens que não se apagam da minha lembrança.

Os cães têm alma, tenho certeza disso. Se ela não tivesse alma, não teria deixado tamanha saudade. Não tivesse e não se apoderaria de mim esta tristeza que me penetra como um punhal de nostalgia da Pink.

Aquele sonho de que, depois da morte, iremos encontrar com nossos seres queridos tem no meu caso como centro a figura da Pink.

Mimosa, querida, adorada, vai estar no céu entre meus amigos e meus parentes, agitando a todos com seus latidos e aquele olhar suplicante por comida diferente.

Mimosa, dedico todos os dias para ti uma boa e quieta quantidade de lágrimas .


Paulo Sant'Ana


ZH 09/12/2009

Leituras


Sempre digo que a leitura de livros é sempre um tempo em que muito se ganha.
Primeiro - e o mais importante - pelo prazer de apreciar uma história, seja ela real ou ficção.
Depois vem a proximidade com as palavras e as construções da Língua, os conhecimentos de outros povos, sociedades, épocas e tudo o mais que a leitura proporciona.
Depois ainda - mas não nessa ordem - a oportunidade de viver vidas bem diferentes das nossas ou encontrar situações iguais as que já conhecemos. É bom ver nas personagens, traços de pessoas próximas de nós e poder analisar seus comportamentos. Sem falar nas situações mostradas e seus desenredos.

E se o livro for chato, não for de nosso interesse? Só lendo para saber, não é ? Se não começamos, nunca saberemos ...

Livros que li, e recomendo:



Marley e Eu - John Grogan

Digo que o livro é muito melhor que o filme, mostra mais detalhes da convivência do "terrível cão" com a família .

Vale pela mistura de descontração e emoção.

domingo, 6 de dezembro de 2009

Moda verão

Alguns modelos de biquinis com variadas estampas que estarão nas praias no verão 2010.



Riachuelo R$ 40,00


Marcyn R$ 110,00

Lemon Light R$ 153,0


Juliana Jabour R$ 323,00

Dalai R$ 216,00


Anatomica R$164,00

Alor R$ 196,oo


Água Doce R$ 116,00
Água de Coco R$ 199,00
Related Posts with Thumbnails